Zona de Risco

Acidentes, Desastres, Riscos, Ciência e Tecnologia

domingo, novembro 27, 2011

Cena real - Vibração do martelete pneumático no corpo humano

A Supercâmera (Time Warp) é um programa que passa no canal Discovery. Em um desses programas, passou o que acontece com o trabalhador operando um martelete pneumático. A Supercâmera praticamente fracionou o movimento lentamente (mais de 1.000 quadros por segundo), vemos a movimentação da musculatura do trabalhador provocado pela vibração do martelete.



QUAIS SÃO OS EFEITOS SOBRE A SAÚDE DA VIBRAÇÃO MÃO-BRAÇO?
A vibração induzida avança lentamente nas condições de saúde No início ele começa como uma dor. Com a exposição contínua da vibração, a dor pode tornar-se um ferimento ou doença. A dor é o estado de saúde em primeiro lugar que é observado e deve ser abordada de forma a impedir o dano.
A vibração induzida denominada dedo branco (VDB) é a condição mais comum entre os operadores de ferramentas manuais vibratórias. A vibração pode causar alterações nos tendões, músculos, ossos e articulações, podendo afetar o sistema nervoso. Coletivamente, esses efeitos são conhecidos como síndrome de vibração mão-Braço (SVMB). Os sintomas da SVMB são agravados quando as mãos estão expostas ao frio.

Os trabalhadores afetados por SVMB comumente relatam:
■ ataques de brancura (branqueamento), de um ou mais dedos quando expostos ao frio
■ formigamento e perda de sensibilidade nos dedos
■ perda do tato
■ dor e sensação de frio entre os períodos ataques do dedo branco
■ perda da força de agarrar, segurar e apertar.
■ cistos ósseos nos dedos e pulsos
O desenvolvimento de SVMB é gradual e aumenta em gravidade ao longo do tempo. Pode demorar alguns meses até vários anos para que os sintomas de SVMB tornar-se clinicamente perceptível.

QUAIS SÃO OS SINTOMAS DA SÍNDROME DE VIBRAÇÃO MÃO-BRAÇO (SVMB)?
A exposição à vibração da mão-braço afeta o fluxo do sangue (efeito vascular) e provoca a perda da sensação de toque (efeito neurológico) nos dedos.

QUAL É O FENÔMENO DE RAYNAUD DE ORIGEM OCUPACIONAL?
A síndrome de vibração mão-braço também é conhecida como fenômeno de Raynaud de origem ocupacional. Vibração é apenas uma das causas do fenômeno de Raynaud. Outras causas são as doenças do tecido conjuntivo, lesão tecidual, doenças dos vasos sanguíneos nos dedos das mãos, exposição ao cloreto de vinila, e o uso de determinadas drogas. O fluxo sanguíneo reduzido resultante pode produzir dedos brancos em ambientes frios.

QUAIS SÃO OS EFEITOS NA SAÚDE DAS VIBRAÇÕES NO CORPO INTEIRO?
As vibrações no corpo inteiro podem causar fadiga, insônia, problemas de estômago, dor de cabeça e "tremores" logo após ou durante a exposição. Os sintomas são semelhantes aos que muitas pessoas experimentam depois de viagens longas de carro ou uma viagem de barco. Após a exposição diária ao longo de vários anos, a vibração de corpo inteiro pode afetar todo o corpo e resultar em uma série de problemas de saúde.

Veículos aéreos, marítimos ou terrestres podem causar enjôos quando a exposição a vibração ocorre na faixa de freqüência 0,1-0,6 Hz. Estudos de motoristas de ônibus e de tratores descobriram que a exposição ocupacional a vibrações de corpo inteiro poderia ter contribuído para um número de problemas do aparelho circulatório, intestino, aparelho respiratório, dores musculares e das costas. Os efeitos combinados da postura do corpo, fadiga postural, hábitos alimentares e vibração de corpo inteiro são as possíveis causas para esses transtornos.

Estudos mostram que a vibração de corpo inteiro pode aumentar a freqüência cardíaca, consumo de oxigênio e freqüência respiratória, e pode produzir mudanças no sangue e na urina. Pesquisadores do leste da Europa têm observado que a exposição à vibração do corpo inteiro pode produzir uma sensação geral de doente, que eles chamam de "doença de vibração."

Muitos estudos relataram uma diminuição do desempenho em trabalhadores expostos a vibração do corpo inteiro.

QUANTO DE EXPOSIÇÃO DE VIBRAÇÃO TEM SE ACUMULAR ANTES QUE AFETEM AS PESSOAS?
Como em todas as exposições ocupacionais, a sensibilidade individual à vibração varia de pessoa para pessoa.
Três fatores importantes que afetam à saúde podem resultar da exposição a vibrações:
■ o valor do limiar ou a quantidade de exposição à vibração que resulta em efeitos adversos à saúde
■ a relação dose-resposta (como a gravidade dos efeitos adversos à saúde está relacionada à quantidade de exposição)
■ período de latência (tempo da primeira exposição ao aparecimento de sintomas

O valor limite de vibração é o nível abaixo do qual não há risco de síndrome da vibração. Em outras palavras, é a intensidade máxima de vibração a que os trabalhadores mais saudáveis podem ser expostos a cada dia de trabalho para sua atividade em tempo integral, sem desenvolver palidez, dormência ou frio dos dedos. Os trabalhadores não vão desenvolver lesões relacionadas com a vibração ou doença, se a exposição à vibração é mantida em níveis suficientemente baixos.

O que se tem observado é que o número de pessoas afetadas aumenta, como a intensidade e a duração da exposição aumenta a vibração. Esse tipo de relação exposição-resposta indica uma possível relação entre efeitos à saúde e a quantidade total de energia de vibração que entram nas mãos ou corpo. Dependendo da intensidade da exposição, os sintomas podem aparecer em meses ou anos após o início da exposição.

O período latente de SVBM é o tempo desde a primeira exposição ocupacional a vibração mão-braço até o início dos sintomas. O período de latência depende da intensidade da exposição. Quanto maior a intensidade, mais curto o período de latência.

POR QUE NÃO É FÁCIL DE DIAGNOSTICAR AS DOENÇAS RELACIONADAS COM A VIBRAÇÃO?
A aceitação da síndrome da vibração como uma doença industrial é dificultada principalmente:
■ Nem todo médico é treinado para diagnosticar vibração induzida dedo branco (VDB) ou outras doenças relacionadas com a vibração.
■ As causas do VDB nem sempre podem ser identificados.
■ Não há testes objetivos que mensuram o prejuízo.
■ A doença progride durante anos antes de os sintomas se tornarem graves o suficiente para afetar a capacidade de desempenho do trabalhador.

EXISTEM ESTUDOS SOBRE OS EFEITOS COMBINADOS DE RUÍDO E VIBRAÇÃO?
Como a maioria das máquinas vibratórias e ferramentas produz ruído, um trabalhador exposto a vibração, provavelmente deve estar exposto ao ruído, ao mesmo tempo. Estudos da perda auditiva entre os lenhadores (utilizam motoserras) revelaram que, para a exposição a ruídos iguais, aqueles com o dedo vibração induzida branco (VDB) tiveram maior perda de audição do que aqueles sem VDB. A razão para este efeito não está clara.
Estudos sobre o efeito da exposição separada e simultânea ao ruído e vibração de corpo inteiro concluíram que a vibração de corpo inteiro sozinho não causa perda de audição. No entanto, a exposição simultânea a ruído e vibração produz maior perda auditiva temporária que o ruído sozinho.

EXISTEM NORMAS DE EXPOSIÇÃO PARA VIBRAÇÃO?
Os limites de exposição recomendado pela (ACGIH, Conferência Americana de Higienistas Industriais do Governo (USA). .
Existem outras regulamentações e normas. Os locais de trabalho devem tentar manter as exposições muito abaixo dos limites possíveis.
Em alguns países, o limite de exposição também é dado como limite limiar e limite de exposição. O limite limiar é inferior ao limite de exposição e garante o início das medidas de controle.
Fonte: Canadian Centre for Occupational Health and Safety

Marcadores: ,

Assinar
Postagens [Atom]