Zona de Risco

Acidentes, Desastres, Riscos, Ciência e Tecnologia

domingo, dezembro 09, 2012

Trabalhador morre ao manusear esmeril


O trabalhador autônomo SJS, 45 anos, morreu na tarde de segunda-feira, 30 de maio de 2011, quando estava amolando ferramentas de trabalho. A fatalidade ocorreu por volta das 16h20, no município de Dona Inês, no Brejo paraibano.

De acordo com as informações, ele estava em casa amolando ferramentas de trabalho quando um disco de esmeril desprendeu atingindo a cabeça da vítima em alta velocidade.

O impacto foi forte que Severino morreu na hora. Parte da peça ficou alojada na cabeça da vítima. O corpo foi encaminhado para o IML de Guarabira para ser necropsiado.

Fonte: Portal do Correio - 30 de Maio de 2011

Comentário:
O trabalhador fez uma adaptação, motor e disco, sem levar em consideração a parte de segurança (protetor do rebolo, velocidade do disco,).
A velocidade do disco pode variar de 54 km/h (mínima, para todos os discos) até 300 km/h (dependendo do diâmetro e o tipo de liga)

RISCOS ENVOLVIDOS NA OPERAÇÃO
a) Projeção de partículas ou fragmentos;
b) Choque elétrico;
c) Ruído excessivo;
d) Ferimentos nas mãos e olhos (torções, cortes, traumas, escoriações e perfurações)

RECOMENDAÇÕES DE FABRICANTES
1. Segurança da área de trabalho
a) Mantenha a área de trabalho limpa e iluminada. As áreas desorganizadas e escuras são um convite aos acidentes.
b) Não opere ferramentas em atmosferas explosivas, como na presença de líquidos inflamáveis, gases ou poeira. As ferramentas criam faíscas que podem inflamar a poeira ou os vapores.
c) Mantenha crianças e visitantes afastados ao operar uma ferramenta. As distrações podem fazer você perder o controle.

2. SEGURANÇA ELÉTRICA
a) O plugue da ferramenta deve ser compatível com as tomadas. Nunca modifique o plugue. Não use nenhum plugue adaptador com as ferramentas aterradas. Os plugues sem modificações aliados à utilização de tomadas compatíveis reduzirão o risco de choque elétrico.
b) Evite o contato do seu corpo com superfícies ligadas ao terra ou aterradas, tais como tubulações, radiadores, fogões e refrigeradores. Há um aumento no risco de choque elétrico se o
seu corpo estiver em contato com o terra ou aterramento.
c) Não exponha as ferramentas à chuva ou condições úmidas. A água entrando na ferramenta aumentará o risco de choque elétrico.
d) Não force o cabo elétrico. Nunca use o cabo elétrico para carregar, puxar ou para desconectar a ferramenta da tomada. Mantenha o cabo elétrico longe do calor, óleo, bordas afiadas ou das partes em movimento. Os cabos danificados ou emaranhados aumentam o risco de choque elétrico.
e) Ao operar uma ferramenta ao ar livre, use um cabo de extensão apropriado para uso ao ar livre. O uso de um cabo apropriado ao ar livre reduz o risco de choque elétrico.
f) Se não for possível evitar o funcionamento da ferramenta elétrica em áreas úmidas, deverá ser utilizado um disjuntor de corrente de segurança. A utilização de um disjuntor de corrente
de segurança reduz o risco de um choque elétrico.
g) Caso haja necessidade de substituição do cabo elétrico deve-se encaminhar a ferramenta para uma assistência técnica autorizada. Um cabo danificado aumenta o risco de choque elétrico.

3. SEGURANÇA PESSOAL
a) Fique atento, olhe o que você está fazendo e use o bom senso ao operar uma ferramenta. Não use a ferramenta quando você estiver cansado ou sob a influência de drogas, álcool ou de medicamentos. Um momento de desatenção enquanto opera uma ferramenta pode resultar em grave ferimento pessoal.
b) Use equipamentos de segurança. Sempre use óculos de segurança. Equipamentos de segurança como máscara contra poeira, sapatos de segurança antiderrapantes, capacete de segurança ou protetor auricular utilizados em condições apropriadas reduzirão os ferimentos pessoais.
c) Evite acidente pessoal. Assegure-se de que o interruptor está na posição “desligado” antes de conectar o plugue na tomada.
d) Remova qualquer chave de ajuste antes de ligar a ferramenta. Uma chave de boca ou de ajuste unida a uma parte rotativa da ferramenta pode resultar em ferimento pessoal.
e) Não force além do limite. Mantenha o apoio e o equilíbrio adequado todas as vezes que utilizar a ferramenta. Isso permite melhor controle da ferramenta em situações inesperadas.
f) Vista-se apropriadamente. Não use roupas demasiadamente largas ou jóias. Mantenha seus cabelos, roupas e luvas longe das peças móveis. A roupa folgada, jóias ou cabelos longos podem ser presos pelas partes em movimento.
g) Use protetores auriculares. Exposição a ruído pode provocar perda auditiva.

4. USO E CUIDADOS COM A FERRAMENTA
a) Não submeta a ferramenta a esforços excessivos. Use a ferramenta correta para sua aplicação. A ferramenta correta fará o trabalho melhor e mais seguro se utilizada para aquilo que foi projetada.
b) Não use a ferramenta se o interruptor não ligar e desligar. Qualquer ferramenta que não pode ser controlada com o interruptor é perigosa e deve ser reparada.
c) Desconecte o plugue da tomada antes de fazer qualquer tipo de ajuste, mudança de acessórios ou armazenamento de ferramentas. Tais medidas preventivas de segurança reduzem o risco de se ligar a ferramenta acidentalmente.
d) Guarde as ferramentas fora do alcance das crianças e não permita que pessoas não familiarizadas com a ferramenta ou com estas instruções operem a ferramenta. As ferramentas
são perigosas nas mãos de usuários não treinados.
e) Manutenção das ferramentas. Verifique o desalinhamento ou coesão das partes móveis, rachaduras e qualquer outra condição que possa afetar a operação da ferramenta. Se danificada, a ferramenta deve ser reparada antes do uso. Muitos acidentes são causados pela insuficiente manutenção das ferramentas.
f) Mantenha ferramentas de corte afiadas e limpas. A manutenção apropriada das ferramentas de corte com lâminas afiadas reduz a possibilidade de travamento e facilita seu controle. Fonte: Bosch – divisão de ferramentas elétrica

Marcadores: ,

Print Friendly and PDF

posted by ACCA@11:17 AM