Zona de Risco

Acidentes, Desastres, Riscos, Ciência e Tecnologia

sábado, agosto 19, 2006

Soldador pode perder a visão


O soldador Ailton Fernandes Sampaio está a ponto de ficar cego por causa de um acidente de trabalho quando realizava serviço de soldadura e uma fagulha caiu no olho esquerdo.

Laudo médico
De acordo com laudo médico o acidentado deve realizar de imediato uma operação cirúrgica na vista para não perder a visão. De acordo com Ailton o médico que o atendeu em Porto Velho recomendou que a atendimento fosse realizado por um especialista em Sorocaba, São Paulo, onde esse tipo de operação médica é realizada com sucesso.

Perda da visão
O acidente no olho esquerdo poderá afetar também a visão do olho direito com possibilidades claras e futuras de que o soldador fique completamente cego. Ailton já perdeu 80% da visão no olho esquerdo e a vista do olho direito já está sendo afetada, segundo ele próprio.

Garantir tratamento médico
O soldador já procurou um advogado para que mova ação (ação cautelar para garantir tratamento médico) contra seus empregadores (Torneadora César Tani) para que a laudo médico recomendado seja tomado em conta, tendo em vista que até o momento, Ailton tem feito somente tratamento farmacêutico. “Fui encaminhado para tratamento pelo SUS. Mas preciso de cirurgia na córnea e não tenho como pagar”, desabafou. Até o momento a empresa onde trabalhava não fez questão de seguir as instruções dos médicos, ignorando a possibilidade do empregado vir a perder a visão se não tiver tratamento

Fonte: RondoNoticias - 14/08/06

Comentários:
Soldagem – Conseqüências nos olhos
1- A exposição à luz da soldagem causa graves queimaduras nos olhos e no tecido circundante (“welder’s flash.” resplendor do soldador)
2 - Proteja os olhos quando o capacete estiver levantado.
3 - Proteja o soldador, seu ajudante e as pessoas próximas ao local de trabalho.
4 - As queimaduras nos globos oculares aparecem 4 a 12 horas depois do trabalhador ter feito ou assistido a uma soldagem sem ter usado óculos protetores/Máscaras .
5 - A córnea fica vermelha. O trabalhador sente muitas dores nos olhos, os quais lacrimejam. A dor é agravada pela luz.

Vide EPI adequado no desenho :
http://zonaderisco.nafoto.net/photo20060819214540.html
http://zonaderisco.nafoto.net/photo20060819214412.html

A solda elétrica pode afetar a visão?
A energia luminosa produzida pela solda elétrica pode produzir graves queimaduras na Córnea. Nunca trabalhe com solda elétrica sem máscara de proteção adequada , nem fique olhando as pessoas trabalharem por perto.

A radiação luminosa pode lesionar os olhos?
Radiações luminosas intensas, tais como; solda, luz ultravioleta ou radiação solar , podem causar queimaduras sérias na córnea ou na retina. É importante saber que os efeitos da queimadura na córnea só começam a produzir sintomas de 6 a 10 horas de exposição. Isto é muito perigoso e o olho pode estar ,sendo lesado e não percebermos no momento.

Fumos de solda - Efeitos
1 – Fluoretos: Se o eletrodo é o Básico (cal e fluorita) deve-se pensar em risco de Fluorose Ocupacional
Fluorose - Doença grave e incapacitante que leva a uma calcificação dos ligamentos.
2 - Cobre
Risco só para quem tem a “Doença de Wilson”
3 - Cromo
Se houver alto teor de cromo no material (aço inox por exemplo chega a 20 a 25%) há alto risco de haver exposição excessiva ao cromo hexavalente (cancerígeno Grupo 1 da IARC).
Não há ulcera de septo nasal, pois não se trata de ácido crômico (galvanoplastia).
4 - Alumínio - De pouco significado toxicológico. Poderia haver fibrose pulmonar em casos raros
5 - Ferro - siderose. Não há importância como tóxico sistêmico
6 - Magnésio - Febre dos fumos metálicos
Não tem importância como tóxico sistêmico e não tem monitoramento biológico.
7 – Cádmio - Em materiais que tenham altos teores deste metal devem-se tomar cuidado extremo. Extremamente lesivo para pulmão (enfisema do cádmio) e para os rins com proteinúria e é ainda carcinogênico (pulmão)
8 – Níquel- O aço inox também tem também elevados teores deste metal ( até 15%).
Provoca febre dos fumos metálicos e sensibilização cutânea (alergia) . É cancerígeno na refinação de níquel, pulmão e cav. nasal
9 – Manganês - Provoca Manganismo, que é uma doença grave incapacitante e irreversível(Parkinson Mangânico)
10 – Zinco - as chapas galvanizadas emitem grande quantidade de fumos de zinco, mesmo em solda a ponto. O zinco em forma de fumos de zinco irritantes e potentes causadores de febre dos fumos metálicos.
11- Titânio - considerado praticamente atóxico. Há descrições não confirmadas claramente de alguns casos de fibrose pulmonar.
12 - Chumbo - É raro de ser encontrado em solda por arco elétrico. Pode ser usado com maçarico e seu risco é proporcional a temperatura de aquecimento. Na solda de placas de acumuladores elétricos com maçarico há grande emissão de fumos de Pb, enquanto que na mesma indústria a solda dos pólos da bateria provoca pouca contaminação ambiental.

3 Comments:

At 12:25 PM, Blogger paulo said...

olhei por alguns segundos para a luz da solda acidentalmente e agora meu olho está como na descrição. gostaria de saber se existe forma de melhorar, ou se melhora sozinho pois é muito ruim ficar com o olho lacrimejando.

 
At 1:52 AM, Blogger leo said...

meu irmao passou um dia ajudando um soldador e depois passou a madrugada se queixando que nao conseguia dormir e botava pano umido nos olhos.Sera que ele fez certo?Oque deve se fazer nesses casos?

 
At 10:01 AM, Blogger chicognu said...

O lance é procurar auxilio medico mesmo. Em geral ele vai passar anestesico para aliviar o ardor, a squela sençasão de ardencia nos olhos e receitar uma pomada especifica. Sei disso pq ontem mesmo voltei do hospital pq queimei a cornea com solda ER, apenas por soldar sem capacete. Acontece que a luz da solda emite radiaçao UV, e mesmo fechando os olhos a radiaçao penetra.

 

Postar um comentário

<< Home

Assinar
Postagens [Atom]