Zona de Risco

Acidentes, Desastres, Riscos, Ciência e Tecnologia

segunda-feira, fevereiro 29, 2016

Princípios Básicos - Proteção contra Incêndios

PRINCÍPIOS BÁSICOS
O propósito global da segurança contra incêndio em edificações é a redução do risco de perda de vidas e da propriedade, sendo o conceito principal a segurança das pessoas.

O melhor projeto de segurança contra incêndio é realizado pela implantação de um conjunto de sistemas de proteção ativa (detecção do fogo, combate ao incêndio, etc.). A seleção de um sistema de segurança deve ser determinada pela probabilidade de ocorrência do incêndio e o consequente risco à segurança das vidas. Adicionalmente, é necessário identificar a extensão do dano à propriedade que pode ser considerada tolerável.

Probabilidade de ocorrência de incêndio – Os fatores que devem ser considerados são:
a) a atividade e o conteúdo de combustíveis (carga de incêndio) na edificação.
b) O tipo de edificação.
c) Prevenção ativa do incêndio; as chances de desenvolvimento de um incêndio são fortemente reduzidas se forem instalados detectores de fumaça e chuveiros automáticos.

MEDIDAS DE PROTEÇÃO ATIVA E PASSIVA

Ventilação durante o incêndio
Ventilação bem projetada exaure a fumaça e assim facilita o combate contra o incêndio e reduz a temperatura dos gases quentes
Compartimentação resistente ao incêndio
Boa compartimentação limita a propagação do incêndio (permitindo que as pessoas sejam retiradas com mais facilidade) e reduz perdas
Projeto de Proteção contra incêndio
Bom projeto de proteção reduz propagação, limita danos à estrutura e facilita o combate contra incêndio.
Detecção do incêndio
Detecção mais rápida, apoiada pela proximidade de bombeiros com recursos, reduz riscos de propagação de incêndio.
Brigada contra incêndio
Proximidade, recursos e acesso dos bombeiros influenciam as perdas com incêndio.
Suprimento de água
Água e disponibilidade de linhas de suprimento são necessárias para a extinção do incêndio
Chuveiros automáticos (sprinklers)
Chuveiros automáticos bem projetados e com boa manutenção reduzem a velocidade de propagação do incêndio.
Disponibilidade de bombeiros e de extintores de incêndio
Imediato combate ao incêndio aumenta a probabilidade de rápida extinção do fogo.
Proteção Passiva em Perfis Metálicos
Previne o desenvolvimento de altas temperaturas nas estruturas metálicas carregadas.

A intensidade e duração de um incêndio, medido pela curva temperatura/tempo dos gases no compartimento com fogo, dependem das características de combustão dos materiais deste compartimento, das condições de ventilação e das propriedades térmicas dos materiais dos fechamentos (paredes, tetos).


FATORES QUE INFLUENCIAM A SEVERIDADE DO INCÊNDIO

Carga de Incêndio
A carga de incêndio é determinada pela quantidade e tipo de materiais.
Distribuição da carga de incêndio
Materiais podem ser armazenados de maneira que o oxigênio tenha fácil acesso a eles.
Características da ventilação do compartimento
Este fator influencia intensidade e a duração do incêndio.
Propriedades térmicas dos pisos e paredes
Este fator influencia intensidade e a duração do incêndio.

FATORES QUE INFLUENCIAM A SEGURANÇA DE VIDAS

Detecção do incêndio e alarme
Detecção do incêndio e alarme dão aos ocupantes aviso da ocorrência.
Rotas de escape seguras
Asseguram a evacuação
Chuveiros automáticos (sprinklers)
Limitam a propagação de incêndios e geração de fumaça e gases perigosos.
Ventilação
Boa ventilação mantém as rotas de escape livre de níveis elevados de temperaturas, de gases e fumaça.
Compartimentação resistente ao fogo
Este fator tem efeito na segurança de vidas nas edificações com menores alturas, mas é essencial nos edifícios altos com muitos andares. Neste caso permitem tempo maior para escape seguro dos ocupantes e promove trabalho seguro dos bombeiros.
Disponibilidade de bombeiros e extintores de incêndio
Imediato combate aumenta a probabilidade de extinção rápida do incêndio.

Fonte: Engº David D.Rowlands 

Marcadores:

Print Friendly and PDF

posted by ACCA@9:50 AM