Zona de Risco

Acidentes, Desastres, Riscos, Ciência e Tecnologia

segunda-feira, agosto 12, 2013

Megaprojeto de engenharia: Linhão Tucuruí-Macapá-Manaus

A linha de Transmissão Tucuruí-Macapá-Manaus permitirá a integração dos estados do Amazonas, Amapá e do oeste do Pará ao Sistema Interligado Nacional (SIN). Com aproximadamente 1.800 quilômetros de extensão total em tensões de 500 e 230 kV em circuito duplo, passará por trechos de florestas e vai atravessar o Rio Amazonas.
Por se tratar de uma obra complexa e realizada predominantemente na floresta amazônica foi definido um projeto compatibilizado com as orientações do órgão ambiental, buscando mitigar os impactos ambientais decorrentes, tais como alteamento de torres, uso de estruturas autoportantes e adoção de apenas picada para lançamento de cabos. Os investimentos previstos são da ordem de R$ 3 bilhões.

EMPRESAS VENCEDORAS
1-A SPE Manaus Transmissora de Energia S/A vai construir o trecho Oriximiná / Silves / Lechuga, em 500 kV, com extensão de 586 km, nos estados do Amazonas e Pará. As empresas participantes são Eletronorte, Chesf e a espanhola Abengoa.
2-A empresa espanhola Isolux venceu os outros dois lotes, o lote “A” que liga Tucuruí a Jurupari, em 500 kV,  e o lote “B” que liga Jurupari a Oriximiná, em 500 kV e Jurupari a Macapá, em 230 kV. Cerca de 4 mil operários trabalharam na execução da linha.

OBRA GIGANTESCA
Uma obra gigantesca para montar rede de transmissão de alta tensão de energia elétrica, que cruza a região amazônica, é mais um orgulho da engenharia e da ousadia do brasileiro.
Terá mais de 1.100 km. Também ensejará expansão de vasos comunicantes de fibra ótica. O empreendimento é conhecido como “Linhão”.
Um vídeo em espanhol, com entrevistas em português, mostra um pouco desse empreendimento.
A Empresa Isolux Córsan é uma empresa espanhola e é uma referência no mercado de transporte de energia de alta tensão.

TÉRMINO DA OBRA
Oficialmente, a conexão ocorreu em 9 de julho com a conclusão da linha. A linha de transmissão Tucuruí-Macapá-Manaus é uma obra fascinante. Suas 3.351 torres, que chegam a ter 295 metros de altura - o equivalente a um prédio com 100 andares -, atravessam quase 1,8 mil quilômetros de selva. 

Marcadores: ,

Print Friendly and PDF

posted by ACCA@12:43 PM