Zona de Risco

Acidentes, Desastres, Riscos, Ciência e Tecnologia

terça-feira, dezembro 12, 2006

Tecnologia ajuda prender ladrão


Um ladrão foi flagrado pela internet ao assaltar uma casa no Guarujá, no litoral paulista. O curioso, quem viu o assalto foi o dono da residência, que estava em Colônia, na Alemanha.

Sistema de monitoramento
O sistema de monitoramento instalado na casa, que fica na Praia de Pernambuco, tem um sensor de movimento, que acionou o celular do empresário durante uma reunião de negócios. As cenas gravadas pelas câmeras de segurança podem ser acompanhadas pela internet.

O alerta foi acionado no dia 10 de dezembro, pelo sistema de segurança da casa, localizada na praia de Pernambuco, no Guarujá.

O empresário estava na cidade alemã de Colônia e recebeu um alerta em seu celular vindo da casa litorânea, no outro lado do Atlântico.Fui ao laptop, entrei na internet e olhei na minha casa ao vivo. Vi uma pessoa lá dentro que eu não conhecia. Liguei para a minha mulher, que chamou a polícia e manteve contato com a polícia durante o cerco da residência, contou o empresário João Pedro Wettlauser.

Ela passou detalhes para a gente de como era o ladrão e onde ele estava enquanto estávamos cercando a casa, contou o cabo Américo Rodrigues, da 5a Companhia do 21o Batalhão do Interior da Polícia Militar. Isso foi crucial para que a gente agisse com objetividade. A ação não demorou mais que 15 minutos, acrescentou o policial, que participou do cerco.

Segundo ele, o ladrão usou uma escada da própria residência para entrar na casa pelo primeiro andar.

Os donos acompanharam pela internet
Os donos puderam ver o ladrão provando roupas, e, quando os policiais entraram na casa, uma série de objetos, entre eletrodomésticos e ferramentas, estavam embalados em sacos na cozinha, prontos para serem levados.O ladrão não desconfiou que estava sendo vigiado a milhares de quilômetros de distância.
Ele ficou surpreso quando soube que estava sendo visto por câmeras pela Internet, disse Rodrigues.
UOL Tecnologia e Globo Online - – 12 de dezembro de 2006

Print Friendly and PDF

posted by ACCA@1:45 PM