Zona de Risco

Acidentes, Desastres, Riscos, Ciência e Tecnologia

quarta-feira, novembro 29, 2006

Oficial do Exército morre em canteiro de obras


Em 22 de Julho de 2005, no canteiro de obras do Exército, entroncamento das rodovias BR-262 com BR-050, uma patrola, máquina de terraplenagem munida de lâmina e utilizada para regularizar o terreno, abrir valetas e executar pequenas escavações, atropelou dois oficiais do Exército Brasileiro (EB).

Causa
O motorista Luis Alberto de Almeida, realizava o serviço de terraplanagem no local, quando, em determinado momento, realizou uma manobra de marcha ré, não percebendo que atrás estaria transitando dois oficiais, sendo: o 2ª tenente de engenharia EB, Geter dos Passos, 23 anos, e o 1º tenente EB, chefe da equipe de terraplanagens, Adriano Novaes Medeiros, 27 anos.
O pesado veículo passou em cima da cabeça do tenente Medeiros, provocando esmagamento de crânio e fraturas múltiplas, matando-o na hora. O tenente Geter também foi atingido pela máquina e sofreu graves ferimentos.

Resgate e salvamento
Unidades de salvamento e resgate do Corpo de Bombeiros deslocaram rapidamente para o local e depararam com o tenente Medeiros sem vida e o tenente Geter apresentando fratura completa (fechada) da tíbia e fíbula da perna esquerda, fratura na clavícula esquerda, um corte contuso na cabeça com hemorragia ativa e traumatismo craniano.
O oficial, sobrevivente foi levado às pressas pelos bombeiros ao PS do Hospital Escola, onde foi prontamente recebido pela equipe médica de plantão e passaria por cirurgia. O estado de saúde do mesmo é delicado.

Inquérito
Polícia Militar, Polícia Rodoviária Federal e Perícia da Polícia Civil estiveram no local e realizaram todos levantamentos necessários para se apurar mais este acidente.
Segundo o comandante do batalhão, tenente-coronel Márcio Veloso Guimarães, do 11º Batalhão de Engenharia de Construções, da cidade de Araguari (MG), será aberto um inquérito para apurar o caso..

Fonte: Jornal de Uberaba - 23 de Julho de 2005

Comentário
O que pode ser feito em relação à segurança na movimentação de máquinas, equipamentos e circulação de pessoal para minimizar acidentes;

1 - As máquinas e equipamentos de grande porte, devem possuir sinal sonoro que indique o início de sua operação e inversão de seu sentido de deslocamento.

2 - Nas operações com máquinas e equipamentos pesados devem ser observadas as seguintes medidas de segurança:
a) isolar e sinalizar a sua área de atuação, sendo o acesso à área somente permitido mediante
autorização do operador ou pessoa responsável;
b) antes de iniciar a partida e movimentação o operador deve certificar-se de que ninguém está
trabalhando sobre ou debaixo dos mesmos ou na zona de perigo;
c) não operar em posição que comprometa sua estabilidade e
d) tomar precauções especiais quando da movimentação próximas a redes elétricas.

3 - Equipamentos de transporte sobre pneus, de materiais, devem possuir, em bom estado de conservação e funcionamento, faróis, luz e sinal sonoro de ré acoplado ao sistema de câmbio de marchas, buzina e sinal de indicação de mudança do sentido de deslocamento e espelhos retrovisores. ACCA

Print Friendly and PDF

posted by ACCA@6:43 PM